468x60px

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Como evitar que seu Smartphone seja invadido por hackers.

As invasões de Smartfones são cada vez mais reais e as formas de se prevenir contra elas também

O desenvolvimento de novas tecnologias para celular fez com que houvesse um aumento na segurança dos aparelhos.

A forte presença na vida das pessoas fez do aparelho um objeto de confiança, com informações essenciais para o dia a dia.

A falta de segurança ou, até mesmo, a negligência com o seu uso, faz com que os celulares sejam portas de entrada para hackers que buscam informações especiais, como senhas de banco e redes sociais, para espalhar Malwares e spam.

Acredita-se que esses grupos queiram infectar aparelhos específicos, mas não é o que ocorre. Na verdade, a invasão pode acontecer com qualquer um, basta um deslize.

Por isso, é preciso cautela ao utilizar redes abertas de wi-fi. Essa é, inclusive, uma prática comum – tanto para quem busca se conectar como para quem procura alvos para atacar. Existem aplicativos que espionam e roubam senhas e dados só do criminoso estar perto, utilizando da mesma rede de internet.

http://www.infotecblog.com.br/

Quem usa celular touch sabe que é fácil descobrir senhas a partir das marcas deixadas pelos dedos. Existe, ainda, outra maneira: o aplicativo keylogger consegue decifrar senhas a partir do som ao ser digitado, mesmo não tendo teclas.

Nessa mesma linha, existem malwares que acessam registros e dados a partir dos toques no celular. Assim eles descobrem senhas, mensagens de textos e outros. A mesma coisa pode acontecer se a pessoa estiver olhando você mexer com o seu celular.

Outra forma é a partir de aplicativos falsos, baixados até mesmo na Store do seu sistema. É sempre importante pesquisar a respeito do aplicativo em sites e fóruns confiáveis para ver os comentários de outros usuários e ficar atento aos requisitos que o app faz ao ser baixado. Se a lista for muito comprida ou estranha, previna-se.

É melhor ficar sem o aplicativo do que suas informações. Apesar de tantos riscos, as empresas já estão se protegendo das ações de hackers. De acordo com o analista e pesquisador da área de segurança, Jon Oberheid, a versão Jelly Bean da Google é difícil de ser invadida por utilizar métodos mais garantidos de proteção de dados.

Mantenha o seu celular sempre protegido com o uso de antivírus para android. Apesar das atualizações diminuírem a probabilidade de invadirem o seu aparelho, o risco continua existindo e o uso de programas específicos faz com que esses números caiam drasticamente.

Há também aplicativos específicos que auxiliam na varredura do seu Smartphone, como o Heartbleed Detector. Essa ferramenta em específico busca apenas pela vulnerabilidade do Android - conhecida como Heartbleed, que expõe senhas e dados do usuário.

Porém, não se sabe até quando apenas as atualizações de sistema serão suficientes, pois quanto mais pessoas atualizarem, maiores as chances de contaminação e invasão.

Escrito por: Henrique Viera

             Se você gostou deixe comentário!

Leia também: