468x60px

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Como funciona a proteção de um antivírus?

Eles estão lá, correndo secretamente pelo seu computador bem debaixo do seu nariz, ainda que você não os esteja vendo.

Sim, eles são uma verdadeira praga, mas nem tente, porque é praticamente impossível contar quantos vírus existem no mundo.

Estes verdadeiros agentes secretos do mal espionam seus dados bancários e operações financeiras, roubam senhas, apagam memórias, copiam agendas, transferem informações que se bobear nem você sabia que tinha.

Crimes podem ser cometidos com a sua ajuda involuntária e você não tem a menor ideia – mas pode se proteger. No meio dessa verdadeira guerra cibernética, deixar o computador sem um antivírus é o equivalente a um suicídio digital.

Conte com os aliados para ganhar esta guerra:
Você não está desamparado nesse combate, em todo o mundo, enquanto os hackers atacam de um lado criando novos vírus, por outro agentes do bem procuram formas incessantes de proteger o seu computador.

Em Seatle (EUA), por exemplo, especialistas montaram um QG de combate a crimes digitais onde advogados, analistas de sistemas, agentes de segurança e especialistas de diversas áreas tentam evitar desde o roubo de dados simples até apagões de cidades inteiras, desvio de rotas de aviões ou pane no sistema de trânsito, por exemplo.


Se o seu computador for infectado ele passará a fazer parte de um exército de milhões de outros computadores na mesma situação que o seu, sob o comando de uma organização criminosa mundial. Este exército tem até nome: botnet. Calcula-se que hoje pelo menos 400 milhões de computadores componham o botnet. O Brasil é o sexto país mais infectado do mundo.

E não se engane, praticamente todas as manipulações e intervenções que você faz no seu computador são passíveis de serem contaminadas, direta ou indiretamente: entrando em sites, abrindo fotos, gerenciando e-mails, baixando arquivos ou simplesmente navegando.

O que acontece é que sem um antivírus é muito difícil saber o nível de contaminação do seu computador, que pode continuar sendo "reinfectado", alcançado cada vez mais arquivos e funções.

Quando você abre um e-mail e o vírus se instala, por exemplo, a próxima compra com cartão de crédito que você fizer estará enviando informações sobre sua senha e cartão para quem agora controla seu computador à distância – e que as usará de alguma forma ilegal.

Proteja seu PC sem gastar nada com um antivírus grátis
Ao estudar estes vírus as empresas criam formas de defesa para que seu computador possa bloquear a entrada ou eliminar ameaças encontradas antes que prejudiquem a máquina e a tornem parte do botnet.

Agora imagine que essa guerra comece em uma grande festa, com agentes do mal que tentam se infiltrar entre os convidados. Os Antivírus grátis funcionam como seguranças, analisando as credenciais de todos os arquivos que tentam entrar no seu computador, barrando as que não são permitidas de acordo com a sua lista de “convidados desejáveis ou indesejáveis”.

Essa lista deve ser constantemente atualizada, porque há sempre novos penetras tentando entrar na sua festa. Como as empresas de antivírus estão sempre de olho os hackers que tentam acabar com o seu sossego e arrebanhar seu PC, elas fazem atualizações diárias das novas ameaças, mantendo a segurança em dia. O antivírus também é capaz de reconhecer um arquivo mal intencionado quando algum programa tenta modificar alguma de suas configurações.

Apesar de tanto cuidado, é possível que algum malware ou spyware recém-criado passe despercebido e é para isso que servem as varreduras do sistema, também chamada de análise heurística. Elas descobrem o invasor ainda que ele esteja agindo silenciosamente.

O antivírus também pode usar um sistema de análise chamado sandbox, no qual ele faz a simulação de um ambiente analisando o comportamento de arquivos executáveis e disparando um alerta quando ele não corresponde ao padrão que deveria.

Quando um arquivo suspeito não chega a ser identificado como vírus, ele é movido para a quarentena, uma espécie de prisão onde fica de castigo até que uma nova atualização o classifique como vírus e ele seja removido.

Agora imagine o seu computador sem nenhuma dessas proteções, completamente à mercê de vírus e arquivos mal-intencionados que podem estragar sua máquina e ainda fazê-la servir a outro senhor.

É muito mais fácil baixar um antivírus grátis do que ter um prejuízo que pode significar a perda de dados ou de todo o sistema operacional do aparelho, deixando-o inutilizado. Com certeza este é um prejuízo que ninguém espera ter.

             Se você gostou deixe um comentário!

Leia também: