468x60px

domingo, 31 de julho de 2016

Redes sociais adicionam recursos de tradução para auxiliar usuários

A tradução automática em posts de língua estrangeira tem sido cada vez mais comum nas maiores redes sociais.

O planeta Terra comporta hoje cerca de 8 bilhões de pessoas, que falam mais ou menos 7 mil idiomas. A língua mais falada no mundo é o Mandarim, na China e o Hindi, língua oficial da Índia.

Se a gente juntar todos os países que falam português, conseguiremos ocupar o sétimo lugar no ranking dos idiomas. À título de curiosidade, o espanhol está em terceiro lugar, e o inglês, fica em quarto lugar.

Ainda sim, o inglês é a “linguagem predominante” na internet. Quem domina este idioma, certamente tem acesso a um leque maior textos, pesquisas e é capaz de iniciar amizades com pessoas de outros lugares com muito mais facilidade. Quem ainda não domina muito esta língua conta hoje com alguns recursos na própria rede, como o Google Translator e outros serviços gratuitos de tradução.

Pensando em aumentar as fronteiras da comunicação entre pessoas do mundo todo é que as estratégias das redes sociais se concentram em facilitar a compreensão, e para isso tem dado atenção especial ao lançamento de serviços de tradução simultânea dentro das suas plataformas.

De 2015 pra cá, algumas novidades foram lançadas pelas principais redes sociais que prometem melhorar a forma como os usuários podem ter acesso a conteúdos em línguas estrangeiras.

Tradução automática no Facebook 
Você pode até não se assustar se souber que uma rede social como o facebook tem 1,5 BILHÕES de usuários ativos, mas com certeza não sabia que a maioria dessas pessoas fala outro idioma que não o é inglês. Por isso que o Facebook lançou no início de agosto uma ferramenta de tradução automática disponível para todos os perfis da plataforma.

Este recurso já estava liberado para as fanpages desde o início do ano, tempo suficiente para os programadores da maior rede social do mundo realizarem os ajustes necessários para liberar a atualização para os perfis. O “compositor multilíngue” permite que uma publicação seja traduzida para vários idiomas.

Nesse meio tempo, o sistema rodou em mais de cinco mil págnas, com cerca de 70 mil visualizações por dia, sendo que mais ou menos 25 milhões dessas visualizações são feitas por usuários que precisaram do sistema da tradução para poder ler os posts em outra língua.

Infotec blog, Tradução, Postagens, Facebook, Twitter, Instagram

Instagram segue a mesma tendência 
Com mais de 500 milhões de usuários espalhados pelo mundo, o Instagram - adquirido por Mark Zuckeberg em 2012 - tem testado tecnologias semelhantes para melhorar a compreensão entre seus usuários por meio das traduções automáticas de texto.

Nesta plataforma, o usuário tem a opção de verificar a tradução dos posts publicados no Instagram clicando na opção “ver tradução”, logo abaixo do post publicado. O recurso pode ser utilizado em bios, nas legendas de imagens e vídeos, e os usuários podem fazer a tradução para 24 idiomas diferentes. O sistema tem sido liberado aos poucos para as contas.

Twitter foi precursor
Ainda em 2011, o Twitter já estudava ferramentas de tradução simultânea para diversas linguagens, chegando a lançar novidades por meio de uma parceria com o Bing Translator, serviço oferecido pela Microsoft. Ao que tudo indica, a pesquisa foi pausada, pois o Twitter anunciou novidades em seu sistema de tradução somente em 2015.

Nesta atualização, o Twitter anunciou que os serviços de tradução do Bing foram adicionados ao Tweetdeck e para as versões da rede social, para Android e IOS. Até então, só quem acessava a rede via desktop tinha acesso a esta funcionalidade.

Diferente do sistema do Facebook, para obter a tradução no Twitter, o usuário precisa solicitar que o tweet seja traduzido clicando no ícone de globo no canto superior direito do post.

Google também anuncia novidades
Bastante utilizado por pessoas do mundo todo, o Google Translator ganhou uma atualização para sistemas mobile. Usuários que utilizam o Google Now on Tap no recém lançado Android 6.0 Marshmallow tem percebido mudanças nos recursos.

Uma dessas mudanças é o suporte de tradução de textos a partir de qualquer tela de maneira muito mais prática do que copiar o texto e passar para a área de tradução do Google Translator, facilitando a leitura nas mais diferentes línguas.

Tecnologia ainda possui limitações
Apesar de já ter avançado bastante na última década, os serviços gratuitos e automáticos oferecidos tanto pelo Google quanto pelas redes sociais, ainda oferecem limitações em relação às traduções.
 Diferentemente das traduções técnicas, os tradutores automáticos podem apresentar falhas semânticas, sintáticas e de polissemia.

Portanto, redobre o cuidado se você precisar utilizar esse tipo de serviço para fazer traduções importantes como trabalhos escolares, redação de documentos importantes e currículos, por exemplo. Outra falha está na tradução de termos como gírias e expressões regionais que, ainda apresentam falhas nas traduções.

Se gostou deixe um comentário!

Leia também: