Atualidades Internet

Realidade Virtual e Realidade Aumentada – Quais as diferenças?

Atualmente, dois termos que ouvimos com frequência quando se trata de tecnologia são: Realidade Aumentada e Realidade Virtual.

Embora ambos sejam realmente grandes recursos da tecnologia moderna, eles geralmente são confundidos. Essas duas tecnologias têm funções e usos práticos muito diferentes. Então, qual é exatamente a diferença entre Realidade Aumentada e Realidade Virtual (AR vs VR)?


Realidade virtual (VR):

Realidade virtual coloca você em um mundo virtual, gerado por computador. Isso leva os usuários a um mundo virtual interativo, e aqui alguns ambientes virtuais são realistas, os quais os usuários teriam dificuldade em diferenciar a ficção da realidade.

Isso requer que você use um fone de ouvido, colocando telas embutidas personalizadas na frente de cada olho, ou usando um Smartphone habilitado para VR como o ASUS ZenFone AR.

O telefone acende no fone de ouvido e apresenta seus olhos com uma tela dividida que dá à realidade virtual uma perspectiva 3D rica. A realidade virtual tem sido mais aplicada pela indústria de videogames e você pode obter muitos jogos que suportam a experiência do VR.

Como funciona

Aplicativos que oferecem suporte a experiência VR podem determinar quando você move sua cabeça em qualquer direção usando o acelerômetro em seu telefone, e o GPS localiza você na realidade virtual que você está vendo.

E com os fones de ouvido, você pode ouvir sons como se eles viessem de direções diferentes, dando-lhe uma experiência completamente imersiva e fazendo com que você sinta que foi transportado para algum lugar novo.

O que você pode fazer com isso?

A VR é uma ótima tecnologia para experimentar eventos e ver lugares que você não pode visitar fisicamente. Por exemplo, pode ser usado para assistir a um concerto virtual, caminhar por um museu distante e visitar praticamente qualquer lugar do mundo. Tudo isso é possível graças à plataforma Daydream do Google.

Há diversos aplicativos de Realidade Virtual na Google Play Store, mas se você quiser facilitar o seu caminho e experimentar a VR pela primeira vez, confira o Google Cardboard, que contém muitas demonstrações e mini-jogos para ajudá-lo a encontrar seus rolamentos virtuais pela primeira vez.


Realidade Aumentada (AR):

A realidade aumentada, por outro lado, combina realidade virtual e vida real (isto é o que faltava na VR). A realidade aumentada sobrepõe o mundo virtual ao real através de uma tela de Smartphone, como o ZenFone AR, ou através de tecnologia portátil, como a Hololens da Microsoft.

Tecnicamente falando, a Realidade Aumentada projeta o conteúdo sobre o mundo real, enquanto o conteúdo da Realidade Mista interage com o mundo real.

No entanto, à medida que essas tecnologias se tornam mais populares, a “Realidade Aumentada” está se tornando um termo abrangente para as tecnologias de realidade aumentada e mista.

Como funciona

A plataforma Tango do Google oferece suporte a experiências AR e se refere ao conjunto de sensores e software de visão por computador que permite aplicações AR.

Essencialmente, o telefone tem que ser capaz de “ver” e entender espaços como os humanos. Para fazer isso, ele deve poder acompanhar o movimento, identificar onde está em relação ao ambiente físico e perceber a profundidade.

O que você pode fazer com isso?

Em termos de jogos, AR permite que você brinque com outras pessoas no mundo real, porque você pode ver e interagir com elas.

Você pode encontrar uma série de aplicativos incríveis na Google Play Store, mas talvez um dos aplicativos mais legais seja o Dinosaurs Among, que traz incríveis dinossauros em 3D para sua cozinha, escritório ou onde quer que você os deseje.

VR e AR estão abrindo uma vasta gama de novas experiências para amantes da tecnologia, então mergulhe nesse mundo e tente você mesmo!

4 thoughts on “Realidade Virtual e Realidade Aumentada – Quais as diferenças?”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.