Como realizar vistoria de imóveis
Negócios Utilitários

Como funciona a vistoria de um imóvel?

A vistoria de imóveis é uma ação que não pode ficar de lado para quem deseja comprar ou alugar um imóvel.

É normal que a pessoa veja o valor, a aparência e a localização da residência, mas se esquece de realizar uma inspeção do estado do imóvel ao fechar um contrato.

Isso pode levar a uma série de problemas no futuro com o dono, além de dores de cabeça e insatisfação. Continue lendo este conteúdo para entender mais sobre uma vistoria e sua importância!

Como funciona a vistoria de um imóvel?

A vistoria de imóveis é um tipo de avaliação onde o intuito principal é encontrar falhas na estrutura de um imóvel. Recomenda-se que ela ocorra ao entregar e devolver as chaves para os contratos de locação.

Essa vistoria serve para garantir que o próximo morador tenha um lugar com boas condições para morar, além de manter em segurança o inquilino e o locador. Pois, é dever do inquilino devolver a residência nas mesmas condições em que recebeu.

vistoria de imóvel

Da mesma forma, cabe ao proprietário fornecer o imóvel nas melhores condições possíveis. Caberá ao vistoriador ou corretor responsável pela inspeção do imóvel, o preenchimento do laudo de vistoria.

Quais são as formas de realizar uma vistoria de imóveis?

Uma vistoria de imóveis é baseada em um laudo impresso. Sendo assim, o responsável pelo processo reúne as informações necessárias e deverá redigir o documento.

Por necessitar de muita informação, a vistoria pode levar vários dias para ser concluída. Hoje em dia, pode-se contar com a ajuda de tecnologia para isso, o que aumenta a adequação, reduz erros e maximiza o tempo aos profissionais.

Um perito em avaliação de imóveis é o único capaz de fazer essa vistoria de modo adequado! 

O laudo de vistoria de imóvel

O laudo de vistoria, também conhecido como o termo de vistoria de imóvel, é um documento que contém todos os dados essenciais sobre a infraestrutura do imóvel e seu atual estado de conservação.

Dessa forma, é possível registrar de modo formal o que precisa de conserto, o que está com defeitos, qual o estado de conservação do imóvel, entre outros fatores. Também é possível negociar a reparação destes fatores por meio do laudo.

Aluga, comprar ou financiar uma casa - qual a melhor escolha

Alguns inquilinos optam por fazer os próprios reparos, e o custo da reforma se desconta do valor do aluguel, por exemplo. A seguir estão os principais pontos a serem incluídos em um laudo de vistoria:

  • Vazamentos e/ou infiltrações;
  • Dimensões do imóvel: é preciso que as dimensões especificadas sejam reais, para isso é preciso a planta do imóvel;
  • Condições da mobília, caso o imóvel já venha mobiliado;
  • Instalação elétrica: é crucial averiguar se o quadro de luz ainda é seguro, se as tomadas funcionam de modo adequado, bem como o chuveiro, interfone e campainha;
  • Instalação hidráulica: verifica-se se os registros abrem e fecham sem dificuldades e se tem algum vazamento. Também é crucial testar descargas e torneiras;
  • Estado da pintura;
  • Se há alguma rachadura;
  • Pisos, revestimentos e forros: verifica-se se estão soltos, rachados ou quebrados;
  • Janelas e portas: é preciso analisar se há ferrugem ou trincos nas janelas e portas de ferro ou vidro. Caso sejam de madeira, analisa se há cupins.
  • Nivelamento;
  • Entre outros.

Por que é importante fazer a vistoria?

Uma vistoria de imóveis agrega segurança ao comprar ou alugar uma propriedade, o que diminui as chances de que o comprador ou locador se decepcione com o imóvel no futuro.

Quem está alugando, por exemplo, deve saber em que condições o imóvel está sendo passado para ele, pois terá que devolvê-lo nas mesmas condições em que recebeu, após algum tempo.

Financiamento de imóveis

Já para quem compra, deve verificar se o espaço entregue tem todas as características listadas na planta. Além de dar mais clareza à negociação, a vistoria também garante que o novo morador e sua família terão condições de vida favoráveis ​​no futuro.

Sem serem pegos de surpresa por problemas que não foram identificados na assinatura do contrato, como rachaduras e infiltrações. Já para o dono do imóvel, a vistoria também oferece seus benefícios.

Isso porque, é um modo de se prevenir contra futuras reclamações dos inquilinos, recusa em arcar com danos ao imóvel e outros conflitos similares. Além de receber o seu imóvel nas mesmas condições.

 Como você pôde ver neste conteúdo, a vistoria de imóveis é uma parte crucial do processo de compra ou locação de imóveis! Caso este conteúdo tenha sido útil para você, não deixe de compartilhá-lo com os seus amigos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.