Como vender roupas nas redes sociais
Finanças Redes Sociais

Redes sociais: 5 passos para revender roupas corretamente

Vender roupas nas redes sociais é um estratégia usada por muitas pessoas para conseguir uma renda extra. Conheça algumas dicas para fazer muitas vendas online.


Devido à pandemia, o comércio eletrônico tornou-se uma alternativa para milhões de empresas em todo o mundo, o que permitiu que as páginas da web pudessem continuar vendendo seus produtos.

As lojas online já estavam crescendo rapidamente antes do Covid-19, mas essa situação acelerou ainda mais o processo.

Mas, para além da criação de uma página web, cada vez mais lojas têm uma estratégia de Social Media para aumentar as suas vendas através das redes sociais.

A verdade é que estas plataformas podem ser de grande ajuda para dar visibilidade à sua empresa e oferecer maior confiança e proximidade ao consumidor.

O que devo fazer para vender roupas nas redes sociais corretamente?

Gerar conteúdo em todas as redes sociais é um trabalho muito grande, pois as plataformas exigem cada vez mais conteúdo mais curado, visual e profissional.

Como realizar Vendas na Internet

Então, a primeira coisa que você deve fazer, antes de tentar estar em todas as redes, é esclarecer o que você quer vender e onde você vai fazer isso.

Veja cinco passos para revender roupas corretamente nas redes sociais começando do zero.

  • 1. Observe sua concorrência e defina objetivos

A primeira coisa que você deve fazer, antes de tentar estar presente em todas as redes sociais, é definir seu público, conhecer perfeitamente seu produto e observar o que a concorrência está fazendo.

Para isso, é importante fazer um “benchmark de concorrência”, onde sejam identificadas empresas semelhantes à sua, mapeada a presença do concorrente nas redes e selecionadas boas práticas.

Após essa fase de análise, você deve ter clareza sobre o que quer vender e em quais plataformas vai fazer isso.

Por exemplo, se você tem um negócio de moda, deve optar pelo Pinterest e Instagram e descartar o LinkedIn ou o Twitter.

Por outro lado, se você se dedica a fazer uma mudança de imagem, o TikTok é a plataforma indicada.

No entanto, se sua comunidade não frequenta essa nova plataforma, economize o esforço de investir nela.

  • 2. Saiba do que sua comunidade gosta

Depois de escolher as redes sociais, o próximo passo é conhecer sua comunidade. Você pode fazer isso através das análises fornecidas pelas redes sociais, todas elas as têm.

Com essas ferramentas você descobrirá como seus usuários se comportam para tomar decisões organizacionais como: quando publicar, quais conteúdos continuar fazendo e quais não, investir em uma campanha publicitária, etc.

Como conseguir renda extra com programas de afiliados

Com essas informações você percebe se sua estratégia de comunicação funciona: se é melhor fazer stories do que publicações, se sua comunidade gosta de pesquisas, promoções e sorteios, produtos mais baratos ou mais caros, etc.

  • 3. Analise as métricas

Essa fase é essencial. Além de analisar o que seus seguidores gostam e não gostam, você também deve estar ciente de como sua comunidade está crescendo: quais usuários você está perdendo, qual é o seu alcance de engajamento, quanta participação você tem, como o público responde o conteúdo que você propõe e, o mais importante, quantas vendas ele gera para você.

  • 4. Aposte em conteúdo audiovisual de qualidade

Investir em conteúdo audiovisual de qualidade é essencial nestes tempos, onde a sociedade está cada vez mais acostumada a consumir conteúdo altamente criativo.

Atualmente existem centenas de ferramentas que permitem editar seus próprios vídeos, bem como adaptá-los a diferentes redes sociais.

Como fazer sucesso nas redes sociais

Investir em boas fotos e vídeos é importante, mas também é importante conhecer a dinâmica de cada rede social.

Por exemplo, você deve saber que nos stories do Instagram eles não podem durar mais de 15 segundos, e no TikTok um vídeo mais curto tem mais engajamento do que uma mais longa. Muitas vezes “menos é mais”.

  • 5. Segmente sua comunidade

Uma das coisas que permite fazer publicidade é segmentar sua comunidade com base no momento em que cada usuário se encontra.

Por exemplo, se uma pessoa estiver olhando carros, você deve apenas fornecer informações.

Por outro lado, se outra pessoa já decidiu que quer comprar um carro de uma determinada marca, você fornecerá informações mais detalhadas.

Por isso, é importante modular a mensagem de acordo com o momento em que cada pessoa da sua comunidade se encontra. Você também pode fazer isso com as métricas de cada rede social.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.