vídeo marketing
Atualidades Negócios

As principais tendências de vídeo marketing para 2021

O último ano foi histórico e agora que estamos nos acostumando com esse novo normal, podemos prever algumas tendências de vídeo marketing.


Não há como negar, os conteúdos em vídeo são atualmente, uma das maiores e melhores formas de difundir as mensagens das empresas. O YouTube é hoje a maior rede social do mundo, com petabytes de conteúdo em seu armazenamento.

Com essas redes sociais construídas em torno de vídeos e conteúdos mais curtos (Instagram Stories, LinkedIn Stories, Snapchat), os profissionais de marketing observam essa tendência geral e multiplicam seu investimento na criação para essas plataformas.

Mas não basta saber que o vídeo é uma forma popular de conteúdo. Você precisa ficar por dentro das tendências específicas para não perder a direção e acabar sendo um grande flop neste ano.

Ao entender o que funciona, e o que não, você pode manter sua estratégia de vídeo marketing sempre inovadora. Para 2021, a InVideo tem algumas dicas que podem nortear esse planejamento para que mais pessoas vejam seus conteúdos

GIRO DE 360º 

Você já ouviu falar no conceito de “marketing de experiências”?

Todo mundo tem tentado fazer isso desde que o termo chegou, mas não está claro se alguém ainda conseguiu. Além disso, desde o início da pandemia, é quase impossível criar experiências físicas para seus clientes. Mas, você pode criar uma experiência emocionante dentro do conforto de uma casa ou em um sofá! Diga olá para os vídeos em 360 graus.

O formato leva a imersão para o próximo nível e coloca os consumidores no centro de toda a ação. “Os vídeos sempre funcionaram bem para dar uma representação visual de um produto. E conteúdos em 360º são uma das tendências de marketing mais quentes, pois coloca muito mais controle nas mãos dos espectadores.

Ele funciona brilhantemente como uma demonstração de produto, pois os espectadores podem manipular o vídeo em todos os eixos”, afirma André Wendler, gerente de marketing para América Latina da InVideo.

Vídeos em 360 graus também têm uma taxa de conclusão quase 50% maior do que os formatos de vídeo tradicionais e uma taxa de cliques quase 300% maior do que outros anúncios de exibição.

Que seja um tour imersivo virtual de uma visita imobiliária, em um shopping, museu ou até mesmo uma ilha inteira, esse estilo de vídeo tem muito a oferecer.

vídeo marketing
Vídeo Marketing é uma forte tendência para os negócios nos próximos anos.

COMPRE ENQUANTO ASSISTE

Uma coisa que não falta atualmente são conteúdos em vídeo. Mas, oferecer mais do que apenas uma experiência de visualização, conseguindo aproveitar a afinidade do seu público com o conteúdo de vídeo para encurtar a jornada do cliente não é feito.

Já ouvimos falar de comércio social, como o Facebook Shops, onde muitas empresas estão aproveitando o colossal tempo que as pessoas passam nas mídias sociais e encurtando o caminho da inspiração para a compra.

Na mesma linha, experiências de compras habilitadas por vídeo também estão decolando. Os criadores de vídeos vêm promovendo suas mercadorias através de seus canais no YouTube e TikTok há algum tempo, mas o que está faltando é uma maneira perfeita de percorrer o caminho entre assistir o vídeo e a compra.

Qual é o futuro do video marketing em 2021, você pergunta? Essa deve ser uma das principais novidades, e é isso que vai reverberar neste ano.

Criadores e marcas que podem fazer a ponte entre vídeos e o e-commerce ganharão muito. Muitas empresas começaram a avançar nessa tendência. A integração do Walmart com o serviço de streaming Vudu (agora de propriedade da NBCUniversal) é um desses exemplos.

Talvez em breve, o TikTok e o Instagram se tornem o paraíso do “shoppertainment“, ou seja, a compra enquanto se entretém. A implementação mais básica disso é um influenciador descrevendo um produto em vídeo e um link ‘compre agora’ aparecendo no lado da tela. Um clique depois, e o espectador pode comprar o produto.

Vídeos “compráveis” são uma ótima maneira de fazer isso e são super relevantes à medida que as redes sociais de vídeo crescem – e que temos que ficar em casa devido à pandemia.

Todo mundo está consumindo ainda mais conteúdo de vídeo do que antes, então adicionar recursos de comércio eletrônico é uma extensão natural.

A IMPORTÂNCIA CRESCENTE DO SEO

Toneladas de pessoas fazem vídeos, mas quantas realmente passam pelo esforço para otimizá-los para pesquisa? Pouquíssimas.

Há um dilúvio de vídeos entre os profissionais de marketing agora. O que está faltando são aqueles orientados pelo SEO. E essa será uma tendência fundamental em 2021.

Os profissionais de marketing farão vídeos otimizados para o mecanismo de busca se destacarem mais da multidão e direcionarem melhor seus vídeos.

“Vídeos otimizados também permitirão que os profissionais de marketing alinhem melhor seus objetivos com seus vídeos. Se você espera aumentar a geração de leads, a consciência da marca ou a liderança do pensamento, eles permitirão que você alcance exatamente isso”, diz Wendler.

Compactar vídeos
Como alavancar o seu negócio usando o Vídeo Marketing?

EDUCAR AS MASSAS COM VÍDEOS

Escolas e universidades em todo o mundo encerraram em grande parte o aprendizado presencial por causa da pandemia. Nunca antes houve uma oportunidade melhor para as empresas experimentarem as salas de aula virtuais.

Conteúdos divertidos e educativos estão no centro das tendências de vídeo em 2021. Plataformas como Masterclass, Skillshare e Coursera viram um grande salto em seus usuários diários em 2020, e esperamos que esse uso em massa continue.

“Até mesmo vídeos tutoriais no YouTube serão conteúdos que você verá com mais frequência. Esse tipo de aprendizado terá mais visualizadores, e também haverá muita experimentação com o tipo de vídeo que está sendo criado que promove melhores padrões de aprendizagem.

Para isso, plataformas de edição como a InVideo, são fundamentais para se testar templates, edições, cortes e trilhas – tudo isso pode ajudar alunos e espectadores a se engajarem ainda mais com o conteúdo”, aponta André.

Os vídeos de “microaprendizado” são uma dessas tendências, onde o espectador pode conhecer algo novo em poucos minutos. Esses tipos de vídeos são predominantes no TikTok e no Instagram Reels.

ENGAJAMENTO EM VÍDEO EM TEMPO REAL

Os vídeos do Facebook Live geralmente são assistidos 3x mais do que os padrão. E até 2027, a indústria global de streaming chegará a valer US$ 184 bilhões. A transmissão de vídeo ao vivo só deve crescer nos próximos anos, e 2021 será um ano determinante para isso.

Enquanto o Facebook colocou vídeo ao vivo em foco, as transmissões não são uma invenção nova; estão disponíveis há anos. Os streamers de videogame a tornaram popular em plataformas como o Twitch com seu público hiper-engajado, e desde então isso se ramificou em várias formas de conteúdo.

O futuro trará mais maneiras de se envolver com criadores de vídeo ao vivo com novos tipos de experiências. Podcasts, concertos, palestras, desfiles, jogos esportivos, premiações e até sessões de exercícios estão sendo transmitidos em tempo real – e isso tem suas vantagens para as empresas:

  • Engajamento do público em tempo real em termos de comentários e reações ao conteúdo.
  • Super útil para conteúdo instantâneo, como notícias de última hora e anúncios.
  • Parece mais autêntico e íntimo, mas atinge mais pessoas.

Criar vídeos ao vivo em um ambiente razoavelmente controlado é a melhor maneira de começar. Eles têm um bom desempenho no Facebook, Instagram e YouTube. Além disso, ainda têm o potencial de se tornar virais enquanto mantêm a autenticidade.

Algoritmos de mídia social também priorizam o ao vivo para aparecer em maior número e com mais frequência nos feeds. Com quase todos os grandes eventos cancelados em todo o mundo, os organizadores não têm escolha a não ser criar réplicas virtuais de encontros físicos.

Além disso, para ter sucesso neste mundo com muito conteúdo gerado pelo próprio usuário, é recomendável a aplicação de pesquisa de mercado e gestão de reputação, através da forma de escuta social.

Por meio de governança estratégica, conteúdos e conversas relevantes, identificados a partir de sites de mídia social como blogs, redes sociais e fóruns, podem fornecer insights para informar o engajamento do cliente, colaboração e desenvolvimento de novos produtos – com isso, a estratégia de vídeos de sua empresa vai decolar nos próximos 12 meses.

One thought on “As principais tendências de vídeo marketing para 2021

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.